O Escritório

O escritório GAGLIARDI ADVOGADOS foi idealizado pela advogada Adriana Gagliardi Dáquer e seu irmão Luiz Carlos Gagliardi Junior.

Agradecemos a confiança depositada em nós. A nossa atuação tem como foco o resultado efetivo e a satisfação pessoal do cliente, assegurando comprometimento, fidelidade, confiança, lealdade, confidencialidade, qualidade, eficácia, competência e rigor na persecução da defesa dos interesses do mesmo.

Linha Mestra

A linha mestra do escritório é aquela mesma exprimida por Rui Barbosa ainda no início do século passado: "A profissão de advogado tem, aos nossos olhos, uma dignidade quase sacerdotal. Toda a vez que a exercemos com a nossa consciência, consideramos desempenhada a nossa responsabilidade. Empreitada é a dos que contratam vitórias forenses. Nós nunca nos comprometemos ao vencimento de causas, nunca endossamos saques sobre a consciência dos tribunais, nunca abrimos banca de vender peles de ursos antes de mortos. Damos aos nossos clientes o nosso juízo com o nosso conselho, a nossa convicção com o nosso zelo; e, depois, quanto ao prognóstico e à responsabilidade, temos a nossa condição por igual à do médico honesto, que não canta vitórias antecipadas como os curandeiros, nem se há por desonrado, quando não debela casos fatais. Nós outros advogados não dispomos, sequer, nas relações com a clientela, do poder que exercem os médicos sobre os seus doentes: na medicina, entre a ciência e a cura apenas intervém os decretos da Providência; ao passo que, no foro, entre o direito e a sentença se metem os erros da justiça humana, a cuja discrição está o destino das causas. Não venham, pois, quando uma delas soçobra, concluir pela culpa do conselho temerário, ou do patrocínio desastrado; porque não é no bom ou no mau êxito dos pleitos que está o critério da honestidade dos litígios, ou o do merecimento do patronos.” (Trecho do "Questão Minas x Werneck. Sustentação dos Embargos do Estado Apelante - I. Contas preliminares".)
 

Nossa AMBIÇÃO

A nossa ambição é focada acima de tudo no resultado efetivo e na satisfação pessoal do cliente, sempre observando as regras éticas e morais. Defendendo a ordem legal e os interesses dos nossos clientes com energia, combatividade, boa técnica, pois “[...] a injustiça, por [mais] ínfima que seja a criatura vitimada, revolta-me, transmuda-me, incendeia-me, roubando-me a tranqüilidade do coração e a estima pela vida.” (Obras Completas de Rui Barbosa. V. 19, t. 3, 1892. p. 109.)

© 2010 Todos os direitos reservados.

Site grátis Webnode